Como se diz “obrigado”


Por Natália Guerreiro

Essa não precisa nem entrar no cursinho para saber. Obrigado em inglês é thank you ou thanks, fácil. Mas assim como no Brasil às vezes se ouve mais valeu do que obrigado, na Austrália e na Inglaterra, podem-se passar dias em que só se ouvem cheers e ta. Sem dúvida, ta é um choque para o brasileiro que o escuta pela primeira vez.

— $3.50

— Here you are.

— Ta.

 

— Você viu que grosseria? Eu dei o dinheiro e a mulher disse !

— Calma, é só outra forma de agradecer…

— Ah, então tá.

E o que se responde ao obrigado? You’re welcome, not at all, don’t mention it? Quiçá mesmo um anytime? Claro, qualquer uma dessas é possível, tanto quanto os nossos de nada, por nadadisponha, não seja por isso não há de quê e que bobagem. Mas, aqui na Austrália, é quase onipresente o no worries (sem problemas), que também serve para responder a um pedido de desculpas. Ou então, muito para a minha surpresa, cool.

— Excuse me, where’s the School of Postgraduate Studies?

— Just round the corner.

— Cheers.

— Cool.

(Cool me parece bem jovial. A situação acima era de dois universitários que não se conheciam.)

E para quem agüentou este post até aqui, cheers, tá?